Wikia Super Saga do Fim do Mundo TMJ
Advertisement

“O que fez comigo? Eu... estou em chamas! Se vou queimar no inferno, vou levar você comigo!”
— Últimas palavras de Crematorium

Crematorium é um personagem secundário da Super Saga do Fim do Mundo, aparecendo apenas na edição Sombras do Futuro. Ele é a versão futuro do Quim, transformado em ciborgue pelo Cebola e servindo cegamente a ele.

Personalidade[]

Diferente de sua versão humana, Crematorium é um ciborgue sádico, cruel e maligno, tão leal ao Cebola que ele permitiu ser transformado em seu ciborgue mais poderoso só para que ele pudesse destruir seus inimigos. Ele aparenta ter um prazer em matar e humilhar suas vítimas, provocando-as para que cedam a ele.

Apesar de sua sede de sangue, Crematorium ofereceu uma chance a Denise e Xavecão de se juntarem ao exército do Cebola, onde eles também seriam transformados em ciborgues. Ele não possui mais nenhum laço afetivo com ninguém, visto que ele matou a Sofia e quase a Marina, ambas suas amigas no passado. Consequentemente, ele e a Maga Li terminaram seu relacionamento, provavelmente por ele se aliar ao Cebola e ela enlouquecer com o poder da Lua.

Aparência[]

Crematorium é um robô imenso, tão grande que ele não possui pernas sim esteiras que usa para se locomover. Seu corpo é robusto e se assemelha a um forno industrial. Seus dois braços foram substituídos por dois lança-chamas, abastecidos por tanques presos em suas costas. Acima de sua cabeça está uma coroa de cinco fios, um padrão em todos os robôs controlados pelo Cebola.

Habilidades[]

De acordo com Denise, Crematorium é o ciborgue mais poderoso do Cebola, usado como último recurso por ele. Ele foi capaz de derrotar e matar Sofia, uma das (se não a mais) poderosas guerreiras das Amazônicas. Dentre suas habilidades estão:

  • Super Força: Crematorium possui uma força descomunal, maior até mesmo que a de Sofia.
  • Pirotecnia: Equipado com dois grandes lança-chamas no lugar dos braços, Crematorium pode queimar praticamente tudo em seu caminho com eles, destruindo qualquer um de seus inimigos.

Fraqueza[]

  • Tanque de Combustível: A fonte do seu maior poder também é sua maior fraqueza. Como o tanque que abastece os lança-chamas fica desprotegidos em suas costas, eles se tornam alvos fáceis para seus inimigos, como quando Marina redirecionou o fogo do próprio Crematorium para seu tanque, usando seus portais, e cobrindo de chamas.

História[]

Tudo o que aconteceu com o Quim até os eventos de Umbra também aconteceram com Crematorium. Entretanto, na linha do tempo do Xavecão, o Cebola, em sua máscara de Guardião da Soleira, conseguiu convencer os meninos do Bairro do Limoeiro (menos o Xaveco e Cascão) a se juntarem a ele em seu plano de dominação mundial. Como parte do procedimento, a maioria dos meninos foram convertidos em ciborgues, máquinas de matar diferentes propósitos. No caso do Quim, ele se tornou Crematorium, um forno ambulante capaz de incinerar qualquer um em seu caminho. Em um certo ponto, provavelmente antes dele ser convertido, ele e a Magali terminaram seu relacionamento.

Quando o Cebola descobriu o plano da Mônica de usar a Casa Fora do Tempo para viajar ao passado e apagar essa linha do tempo, ele enviou o Crematorium para matar Denise, Xavecão, Sofia e Marina. O ciborgue conseguiu matar Sofia e quase matou Denise, mas essa foi salva por Marina. Ao enfrentá-la, Crematorium sentiu seu próprio veneno quando ela redirecionou seu fogo para seu tanque de combustível, explodindo-o e cobrindo-o em chamas.

Convencido em levá-la com ele, Crematorium avançou na direção de Marina, mas ela abriu outro portal e o lançou em cima da Maga Li, que havia aparecido repentinamente para se vingar de Denise. Ironicamente, os dois ex-amantes acabaram morrendo juntos.

Curiosidades[]

  • Crematorium ou Crematório é o local onde os corpos dos mortos são queimados em rituais funerários.
  • Ele é um dos dois personagens conhecidos a se transformar em um ciborgue, sendo o outro o Silencioso, que antigamente era o Humberto.
Advertisement